Poema

Ó Poesia – quanto te pedi!

Terra de ninguém é onde eu vivo

E não sei quem sou – eu que não morri

Quando o rei foi morto e o reino dividido.

Sophia de Mello Breyner Anderson

Deixar unha resposta

introduce os teu datos ou preme nunha das iconas:

Logotipo de WordPress.com

Estás a comentar desde a túa conta de WordPress.com. Sair /  Cambiar )

Google photo

Estás a comentar desde a túa conta de Google. Sair /  Cambiar )

Twitter picture

Estás a comentar desde a túa conta de Twitter. Sair /  Cambiar )

Facebook photo

Estás a comentar desde a túa conta de Facebook. Sair /  Cambiar )

Conectando a %s