“Autopsicografía” – Fernando Pessoa

Estátua de Fernando Pessoa da autoría de Lagoa Henriques no exterior do café A Brasileira


Fernando Pessoa é un dos grandes poetas en Lingua Portuguesa.

AUTOPSICOGRAFÍA

O poeta é um fingidor.
Finge tão completamente
Que chega a fingir que é dor
A dor que deveras sente.

E os que leem o que escreve,
Na dor lida sentem bem,
Não as duas que ele teve,
Mas só a que eles não têm.

E assim nas calhas de roda
Gira, a entreter a razão,
Esse comboio de corda
Que se chama coração.

Poema musicado polo conxunto Caleidoscópio

Advertisements

One comment on ““Autopsicografía” – Fernando Pessoa

Deixar unha resposta

introduce os teu datos ou preme nunha das iconas:

Logotipo de WordPress.com

Estás a comentar desde a túa conta de WordPress.com. Sair / Cambiar )

Twitter picture

Estás a comentar desde a túa conta de Twitter. Sair / Cambiar )

Facebook photo

Estás a comentar desde a túa conta de Facebook. Sair / Cambiar )

Google+ photo

Estás a comentar desde a túa conta de Google+. Sair / Cambiar )

Conectando a %s